Amor sempre....

Amor sempre....
Caminho entre flores. O chão continuará pra nós com outras paisagens. Sou o que sou, porque é tudo que sei ser. E todo meu olhar escrito que você nunca aprendeu a ler, permanecerá no descaso para quem não compreende.

terça-feira, 17 de novembro de 2015

Hoje...

Hoje eu não chorei, as lágrimas estavam virando milagre de vidro, no frio que me fazia tremer de ansiedade. Hoje eu quis ser apenas mãe cantando uma canção de ninar ao sol para meus bambinos.
 
♥♫

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tenho olhado o tempo...
Quando estou tomando um café, ou na varanda.
Quando estou mergulhada nos livros, ou no trabalho.
Ele me diz: Paciência Fernanda.
Sim tempo, eu tenho paciência...

Fernanda Marinho
Ah posso pedir para me conhecer melhor?
Então vem aqui ó!

https://linguagem-miuda.blogspot.com.br/