Maria Fernanda

Quero brindar a arte, ao poeta, ao amor. Se fosse uma pintora, pintaria o sorriso do mundo em plena harmonia, a beleza das ondas do mar abraçando vivências, maestro de música delicada e forte, depende do jeito que se escuta. Olhar a grande tela da vida e constatar o surreal, que é essa beleza real que agraciados fomos em ter. Grito a liberdade de abrir mundos, lugares, pessoas, e nessa mesma liberdade brilha o sol, fica azul o céu e o mar. Esse oceano beleza que gera, que move, que traz e que leva. Me segura com seu jeito corajoso em teus braços, me pega de um jeito que a alegria se encaixe. Quero minha vontade de sentir essa audácia e jogar pra fora no teu ritmo, nas tuas asas, meu brinde. Obrigada a cada um que faz comigo a poesia mais linda desse mundo. A poesia da a m i z a d e! ♥ PS: Um brinde com suco de uva. ✿Maria Fernanda✿

o amor é um elo

domingo, 8 de novembro de 2015

Sinto sua falta



Meu amor, senti falta da suavidade do seu abraço,
De olhar dentro dos seus olhos.
O lugar de alguém é muito reservado, e nele ficam pedaços fortes de lembranças e saudades. Ingredientes fortes quando cada um deles fala por dentro da gente.
Você está no meu coração e eu no seu.
Temos um lugar e pertencemos a ele.

No dia certo, o amor se encarregará de juntar os pedaços.
Voltaremos a olhar dentro de nossos olhos marejados de alegria.
Mas até este momento, eu terei um amor que fortalece a cada dia sem tua presença.
Meu coração está cheio de amor,
E nada mudará a certeza que ele carrega.

Acredito que o sol e o céu são preciosos demais para cada um de nós.
E acredito que o seu amor e o meu estão escritos naquele manto de estrelas.
Está sendo muito difícil
A chuva cai lá fora.
É tão difícil ser forte.
Sabe quando você precisa?
Eu preciso ser forte todas as horas do dia.
Sinto sua falta...
___________

Fernanda
Imagem: net

Um comentário:

  1. Minha querida princesa,
    Respeito teu silêncio .
    E sinto tanto a tua falta . Guarda todos os pedacinhos e constrói com eles a nova casa para te guardardes .
    Beijos com ternura

    ResponderExcluir

Tenho olhado o tempo...
Quando estou tomando um café, ou na varanda.
Quando estou mergulhada nos livros, ou no trabalho.
Ele me diz: Paciência Fernanda.
Sim tempo, eu tenho paciência...

Fernanda Marinho