Maria Fernanda

Quero brindar a arte, ao poeta, ao amor. Se fosse uma pintora, pintaria o sorriso do mundo em plena harmonia, a beleza das ondas do mar abraçando vivências, maestro de música delicada e forte, depende do jeito que se escuta. Olhar a grande tela da vida e constatar o surreal, que é essa beleza real que agraciados fomos em ter. Grito a liberdade de abrir mundos, lugares, pessoas, e nessa mesma liberdade brilha o sol, fica azul o céu e o mar. Esse oceano beleza que gera, que move, que traz e que leva. Me segura com seu jeito corajoso em teus braços, me pega de um jeito que a alegria se encaixe. Quero minha vontade de sentir essa audácia e jogar pra fora no teu ritmo, nas tuas asas, meu brinde. Obrigada a cada um que faz comigo a poesia mais linda desse mundo. A poesia da a m i z a d e! ♥ PS: Um brinde com suco de uva. ✿Maria Fernanda✿

o amor é um elo

sexta-feira, 10 de março de 2017

Ladrilhos





Entretons
eram seus olhos imersos no tempo.
Sonhos desejados, mas tão sem alicerces.
No movimento do tempo deixaram digitais.
Cotovia voejando na saudade,
Passou por certo.




Maria Fernanda
:.ﮨﯝﮨჱﮨﯝﮨ.:ﮨﯝﮨჱﮨﯝﮨ.:ﮨﯝﮨჱﮨﯝﮨ.:

25 comentários:

  1. Muito bom. A marca indelével da saudade, dos sonhos que sonhamos dados como certo, dos planos que arquitetamos, do que somos no que haveria de vir, mesmo incertos no porvir. Ótimo, garota. Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade! Ela a saudade tem "faces"
      Gostei do teu comentário.
      Obrigada Fábio!

      Excluir
  2. Saudade bem expressa e lindamente! bjs, ótimo fds! chica

    ResponderExcluir
  3. Saudade! Uma palavra genuinamente portuguesa
    Kis :=}

    ResponderExcluir
  4. Prazer em conhecê-la, Maria Fernanda, e ao seu blog tão marcantemente cheio de sinceridade e pureza de alma. Muitos dizem que um ser puro e sensível sofre demais ao deixar que o mundo veja seu interior. Mas penso que Deus já tocou a alma desses seres, e eles podem sentir o Criador em todas as coisas, e isso lhes dá forças e coragem ante os problemas do mundo e as pessoas que lhes tentam fazer mal.
    A bondade e a humildade são o maior escudo contra o mal. Pois quem é genuinamente bom e humilde, nunca se sentirá rebaixado nem elevado, seja o que for que ouvir dos outros, nem nunca desejará mal a ninguém, não importam as feridas abertas.
    Creio que Deus só quer o nosso bem, e portanto, mesmo os problemas e espinhos da estrada vêm para nosso bem, senão agora, no futuro. Pois as únicas conquistas que importam são as conquistas do espírito, que levaremos eternamente conosco e nos farão cidadãos do Bem onde quer que iremos habitar.
    Um abraço!
    Bíndi e Ghost

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O prazer é meu!
      Sou apenas um ser humano que escolheu ser o que é.
      O homem nasce com a semente que trouxera. E é a rega dos seus genitores que o moldarão no caminhar de sua estrada. Num determinado momento a criança gozará também de sua livre escolha que é o livre arbítrio. Na verdade, quem o modifica são suas escolhas. E nelas está o bem ou mal.
      Eu escolhi o bem e escolher o bem é ter a certeza que muitas vezes seremos crucificados.

      Beijinho e seja bem-vindo.

      Excluir
  5. Um poema muito belo.
    Obrigada pela sua visita e comentário.
    Beijinhos e bom domingo,
    Ailime

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ailime
      não me agradeça foi um prazer lhe visitar.

      Beijinho

      Excluir
  6. Apesar de tudo, é preciso sonhar e sobretudo, agir!
    PN

    ResponderExcluir
  7. Um poema que tanto diz sobre si minha amiga.
    Nunca deixe de sonhar!

    Um beijinho

    O Toque do coração

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Preciso dos sonhos.
      Obrigada querida.
      Um beijinho

      Excluir
  8. OI MARIA FERNANDA!
    É NO SONHO QUE ALICERÇAMOS NOSSAS REALIDADES.
    LINDO ISSO.
    ABRÇS
    http://zilanicelia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. A saudade que antecipa o percurso da esperança e do sonho... Um belo poema.
    Uma boa semana.
    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E não podemos deixa-la seguir.

      Obrigada Graça.
      Beijos

      Excluir
  10. Lindo seu blogue e conteúdo!
    abraço!

    ResponderExcluir
  11. Cara amiga Fernanda, percebo neste post um momento de reflexão, de saudade, de desabafo.
    Um abraço daqui do sul. Tenhas uma ótima semana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bingo Dilmar!
      Obrigada outro daqui do Centro Oeste

      Excluir
  12. Saudade uma docelembrança em nossos corações
    Um abraço.
    Élys.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É sim amigo Élys.
      Beijinho e obrigada pela visita.

      Excluir
  13. Ah, como não ter e sentir uma saudade de tudo quanto sonhamos e ainda não realizamos?
    Que ela venha vestida de sua roupa mais simples, mas que vista minha alma e meu coração,
    Bonito poema da saudade que se as vezes nos machuca um pouco outras nos leva às lagrimas de alegria em ter vivido.
    Bjs Fernandinha.
    Bom lhe ver e ler e saber que voce prossegue firme no proposito de ser feliz.

    ResponderExcluir

Tenho olhado o tempo...
Quando estou tomando um café, ou na varanda.
Quando estou mergulhada nos livros, ou no trabalho.
Ele me diz: Paciência Fernanda.
Sim tempo, eu tenho paciência...

Fernanda Marinho