Maria Fernanda

Quero brindar a arte, ao poeta, ao amor. Se fosse uma pintora, pintaria o sorriso do mundo em plena harmonia, a beleza das ondas do mar abraçando vivências, maestro de música delicada e forte, depende do jeito que se escuta. Olhar a grande tela da vida e constatar o surreal, que é essa beleza real que agraciados fomos em ter. Grito a liberdade de abrir mundos, lugares, pessoas, e nessa mesma liberdade brilha o sol, fica azul o céu e o mar. Esse oceano beleza que gera, que move, que traz e que leva. Me segura com seu jeito corajoso em teus braços, me pega de um jeito que a alegria se encaixe. Quero minha vontade de sentir essa audácia e jogar pra fora no teu ritmo, nas tuas asas, meu brinde. Obrigada a cada um que faz comigo a poesia mais linda desse mundo. A poesia da a m i z a d e! ♥ PS: Um brinde com suco de uva. ✿Maria Fernanda✿

o amor é um elo

terça-feira, 6 de outubro de 2015

Fé?

 
 
Mais um dia se passa entre o trabalho e nossa casa.
Chego junto com o cansaço e a persistência.
Obrigada Senhor do alto por me guiar diante de tudo.
Eu sinto meu coração em sintonia com o amor de minha vida.
Felipe meu amor como sinto sua falta!
Obrigada por ter ensinado a esse coração sofrido o que é sentir-se amada, querida, especial.
Agora minha alma está em nocaute!
Não há ânimo
Não há riso, não há arco-íris.
Mas há um espírito em conflito.
Seja minha força agora por favor!
Me diga de alguma forma que a fé ainda é tudo, pois a brisa que toca minhas lágrimas não me diz mais nada, nem o sol consegue me fazer sentir aquela alegria de um dia.
As flores fazem com que meus olhos moldem o tamanho do vazio ao meu redor. Eu não sei mais achar o que perdi.
Sou silêncio, sou cinza, sou dias nublados debaixo do brilho do sol.
À noite consigo correr em tua direção, o espaço entre nós já não existe, então acordo e meu coração dispara, e eu descubro o quanto estou no porão do fundo do poço.
Eu que não temia nada, hoje sou tão assustada com essa dor.
_________
Fernanda

Toninho e Chica meus amigos tão amados...
Me sinto tão acolhida como se fosse um abraço apertado.
Quando conseguir vou ligar sim Toninho.
Preciso de vocês!

3 comentários:

  1. Deus há de lhe dar uma noite de paz no espirito e assim poder descansar.
    Estamos juntos Fernandinha, mas deixamos que você sinta sua dor, mas que não se entregue.
    Um abração com muito carinho amiga.

    ResponderExcluir
  2. Nanda, como me tocam tuas palavras! Acompanhei tanto da tua história linda e agora acontece isso.Triste! Força! Fé! precisamos sempre! bjs, chica

    ResponderExcluir
  3. Fernanda,

    As palavras que eu aqui escrever não passam disso, mas os sentimentos sim. Mesmo sem se poderem ver são imensos e acredito que chegam ao teu coração. Por isso quero deixar- te aqui um abraço grande, apertado e fraterno.

    ResponderExcluir

Tenho olhado o tempo...
Quando estou tomando um café, ou na varanda.
Quando estou mergulhada nos livros, ou no trabalho.
Ele me diz: Paciência Fernanda.
Sim tempo, eu tenho paciência...

Fernanda Marinho