Amor sempre....

Amor sempre....
Caminho entre flores. O chão continuará pra nós com outras paisagens. Sou o que sou, porque é tudo que sei ser. E todo meu olhar escrito que você nunca aprendeu a ler, permanecerá no descaso para quem não compreende.

quarta-feira, 18 de fevereiro de 2015

Porque somos

Esta é a data que eu jamais quero esquecer,
Momento único onde iniciamos o afeto.
Esta é a data que bordou meu coração com fios de amor eterno.
Momentos que sustentam a certeza.
Onde posso encontrar o caminho? Na luz dos teus olhos.
E tudo que reflito está diáfano.
O que posso dizer? Se tudo o que penso está em meus lábios em forma de riso.
Esta é a época de gritar minha felicidade.
Eu encontrei a roda do tempo, do amor, ela é firme como a rocha.
Contornando, revolvendo, tornando...
Eu posso tocá-la e você pode sentir.
É tudo o que cremos e se deu.
Esta é a nossa data meu amor!
Onde conduzimos nossa história, e conquistamos o troféu.
Temos uma família linda.
Cada busca foi preenchida, cada degrau e sua subida ainda exigem de nós um desígnio.
Mas sabemos como escolher.
Não estamos sós e não arriscamos nada.
O amor nos ilumina as ideias, porque estamos juntos, porque somos eu e você.

_______________

Fernanda

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tenho olhado o tempo...
Quando estou tomando um café, ou na varanda.
Quando estou mergulhada nos livros, ou no trabalho.
Ele me diz: Paciência Fernanda.
Sim tempo, eu tenho paciência...

Fernanda Marinho
Ah posso pedir para me conhecer melhor?
Então vem aqui ó!

https://linguagem-miuda.blogspot.com.br/